Desenho quadriculado

Muitas vezes, os poetas associam sentimentos às cores, querendo despertar emoções. Vamos ler alguns trechos de músicas e de texto em que as cores aparecem ou são sugeridas.

“Raio se libertou,

clareou muito mais

Se encantou pela cor lilás

Prata na luz do amor

Céu azul

Eu quero ver o pôr do sol

lindo como ele só”

Djavan

 

“Não posso me esquecer daquele azul

não era do céu nem era do mar

Foi um rio que passou em minha vida

e meu coração se deixou levar”

Paulinho da viola

 

“Emília tinha inventado que em certos dias o Sol tocava trombeta a fim de reunir todos os vermelhos  e ouros do mundo para a festa do ocaso.”

Monteiro Lobato

Agora, feche os olhos e pense:

♦ Que sensações ou lembranças a cor azul desperta em você?

♦ E o vermelho? E o amarelo? E o verde?

 

Você vai fazer um trabalho utilizando apenas as cores primárias (vermelho, amarelo e azul). Se misturarmos as cores primárias, formares as cores secundárias (verde, laranja e roxo).

Quando misturamos as cores primárias com as secundárias formas as cores terciárias

(vermelho-alaranjado, vermelho-arroxeado, amarelo-esverdeado, amarelo-alaranjado,

azul-esverdeado e azul-arroxeado).

Mas as cores não precisam ser misturadas de verdade para formarem outras. Se você pintar um quadrinho de azul perto de um quadrinho amarelo, de longe seus olhos “enxergarão” verde, e assim por diante.

No Comments

Faça um comentário

Está com dúvidas ou precisando de ajuda?

Entre em contato será um prazer te ajudar!